Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
23/01/24 às 15h12 - Atualizado em 23/01/24 às 15h22

­čŤ╗­čÜÖ DF Livre de Carca├žas recolhe ve├şculos com focos de dengue em Taguatinga

 

Jak Spies, da Ag├¬ncia Bras├şlia

 

Nesta ter├ža-feira (23), a opera├ž├úo DF Livre de Carca├žas foi retomada, come├žando pelo SH Norte, em Taguatinga. Somente no local foram removidos cerca de 20 carca├žas de ve├şculos, que acumulavam seis focos de dengue.

 

O programa ├ę uma for├ža-tarefa coordenada pela Secretaria de Seguran├ža P├║blica do Distrito Federal (SSP-DF) de forma integrada com diversos ├│rg├úos, incluindo Pol├şcia Militar (PMDF), Departamento de Tr├ónsito (Detran-DF), Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF), DF Legal, Diretoria de Vigil├óncia Ambiental (Dival), Novacap e administra├ž├Áes regionais.

 

A iniciativa do Governo do Distrito Federal tem como objetivo a remo├ž├úo e a destina├ž├úo adequada dos ve├şculos abandonados, que podem multiplicar focos de mosquitos transmissores da dengue e de outras doen├žas, al├ęm de servir de abrigo para criminosos ou pontos de crimes diversos.

 

For├ža-tarefa encontrou larvas do mosquito Aedes aegypti em fase de pulpa em carca├žas em Taguatinga | Fotos: Geovana Albuquerque/ Ag├¬ncia Bras├şlia

 

De acordo com o subsecret├írio de Seguran├ža P├║blica, coronel Jasiel Fernandes, a integra├ž├úo entre os ├│rg├úos ├ę de suma import├óncia. ÔÇťSe a Dival trabalhasse sozinha, ela conteria aquele foco, mas n├úo conteria de onde ele veio. Ent├úo, a opera├ž├úo traz nessa integra├ž├úo a possibilidade n├úo s├│ de a gente tratar o foco especificamente naquele momento, mas de retirar a carca├ža para que ela n├úo continue sendo foco de mosquito da dengueÔÇŁ, observa.

 

A iniciativa est├í alinhada ├ás a├ž├Áes do GDF para redu├ž├úo e controle dos casos de dengue e demais arboviroses, por meio da Sala Distrital Permanente de Coordena├ž├úo e Controle das A├ž├Áes de Enfrentamento ├ás Doen├žas Transmitidas pelo Aedes aegypti.

 

Segundo a agente de vigil├óncia ambiental Marineide Cardoso, entre as 20 carca├žas de carro a c├ęu aberto recolhidas foram encontradas larvas do mosquito da dengue j├í em fase de pulpa. ÔÇťA pulpa ├ę quando, em algumas horas, o mosquito j├í vai estar pronto para estar voando. Ent├úo, a remo├ž├úo dessas carca├žas ├ę de tremenda import├óncia para deixar o ambiente livre desse problemaÔÇŁ, destaca.

 

S├úo pelo menos 86 localidades mapeadas no DF pela SSP-DF. Nesta semana, a a├ž├úo continua em Taguatinga, nas oficinas do SH Norte. Ser├úo tr├¬s semanas de trabalho, finalizando na semana anterior ao Carnaval. Ap├│s Taguatinga, o cronograma ocorre de acordo com as demandas recebidas e prev├¬ que todas as regi├Áes administrativas do DF sejam contempladas.

 

O mecânico Edimilson Dias Ferreira já teve dengue e elogia a iniciativa do GDF de limpar as áreas de Taguatinga

 

ÔÇťPor determina├ž├úo do governador Ibaneis Rocha retomamos a retirada de carca├žas do SH Norte, muito pelo foco da dengue, mas tamb├ęm para desobstruir as cal├žadas, para que as pessoas possam transitar livremente pelo setor, al├ęm da mobilidade em rela├ž├úo ao tr├ónsito para que todos tenham acesso aquele setor que ├ę t├úo importante para n├│sÔÇŁ, declara o administrador de Taguatinga, Renato Andrade dos Santos.

 

O mec├ónico Edimilson Dias Ferreira mora pr├│ximo ├á regi├úo onde as carca├žas foram retiradas nesta ter├ža. Ele teve dengue h├í algumas semanas e conta que a maior parte dos residentes do pavilh├úo tamb├ęm foram infectados pelo mosquito.

 

ÔÇťN├│s estamos vendo um trabalho dessa retirada desses ferros e latas que ficam jogadas e isso realmente era necess├írio. Todo mundo aqui est├í com dengue. Tem muito carro ainda na chuva e ficam as carca├žas, junta ├ígua, foco dos mosquitos. S├│ a fiscaliza├ž├úo estando na rua para notificar e para a popula├ž├úo ter consci├¬nciaÔÇŁ, comenta.

 

Balan├žo do ├║ltimo ano

Em 2023 foram realizadas 104 a├ž├Áes integradas que resultaram na retirada de 1.132 ve├şculos abandonados nas ruas do DF ÔÇô 337,06% a mais do que em 2022. Em 2021 foram 306 e em 2020 foram recolhidas 448 carca├žas. Ao todo, desde o in├şcio do programa da SSP-DF, foram recolhidas 2.145 carca├žas em Bras├şlia.

 

A opera├ž├úo, al├ęm de recolher carros abandonados, identifica desordens como mato alto, falta de ilumina├ž├úo, focos de dengue, entre outros fatores que incidem diretamente na preven├ž├úo criminal, na seguran├ža e na sa├║de da popula├ž├úo.

 

ÔÇť├ë importante que a sociedade se conscientize de que a carca├ža n├úo brota do ch├úo, algu├ęm descarta ela ali. Ela tem que ser descartada da forma adequada e legal, que ├ę procurando Detran e buscando as orienta├ž├ÁesÔÇŁ, refor├ža o coronel Jasiel Fernandes, subsecret├írio de Seguran├ža P├║blica.

 

Den├║ncias

A popula├ž├úo pode contribuir denunciando pontos de ac├║mulo pelo telefone da Ouvidoria (162) ou pelos Conselhos de Seguran├ža e Administra├ž├Áes Regionais. Al├ęm disso, as den├║ncias podem ser enviadas por e-mail para o endere├žo dflivredecarcacas@ssp.df.gov.br.

 

Edi├ž├úo: Vinicius Nader, da Ag├¬ncia Bras├şlia

 

 

Governo do Distrito Federal