Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal

Agnaldo Mendonça Alves

 

É graduado em Economia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e em direito pela Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU/SP). Atuou na iniciativa privada por mais de 20 anos. Foi Agente da Polícia Federal de 2006 a 2009 e ingressou na carreira de Delegado de Polícia Federal, em 2009, onde atuou em diversas funções.

 

Foi chefe da DELEFAZ/DRCOR/SR/PF/AC – Delegacia de Repressão a Crimes Fazendários da Polícia Federal no Acre entre 2009 e 2011 e Coordenador de Relações Institucionais do Departamento de Recuperação de Ativos (DRCI/MJ), do Ministério da Justiça entre 2011 e 2012.

 

De 2012 a 2014, chefiou a DRE/DRCOR/SR/PF/AC – Delegacia de Repressão às Drogas da Polícia Federal no Acre e o GISE/DRE/DRCOR/SR/PF/AC (Grupo de Investigações Sensíveis) da Polícia Federal no mesmo estado.

 

Entre 2014 e 2015 atuou na DELEFIN/DRCOR/SR/PF/SP – Delegacia de Repressão aos crimes financeiros da Superintendência Regional de São Paulo/SP, entre 2015 e 2017 foi supervisor do GISE/DRE/DRCOR/SR/PF/SP (Grupo de Investigações Sensíveis) da Polícia Federal no estado de São Paulo.

 

Atuou como DRCOR/SR/PF/AL – Delegado Regional de Investigação e Combate ao Crime Organizado da Polícia Federal em Alagoas, entre 2018 e 2019. Chefiou a DPAT/CGPRE/DICOR/PF – Divisão de Repressão aos Crimes Patrimoniais e Tráfico de Armas e a DIREN/CGPRE/DICOR/PF – Divisão de Repressão a Drogas da Polícia Federal entre 2019 e 2020.

 

Em agosto de 2020, foi nomeado Superintendente Regional da Polícia Federal no Estado de Alagoas, onde atuou até junho de 2021.