Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
6/12/12 às 19h25 - Atualizado em 29/10/18 às 12h40

Veja as principais notícias desta quinta-feira, 06 de dezembro

COMPARTILHAR

Confira as notícias veiculadas nos jornais da cidade

Polícia flagra dois homens com arma e cerca de 400 mídias piratas, no Gama
Dois homens foram presos nesta quarta-feira (5/12) no Setor Leste do Gama. Segundo a Polícia Militar, os dois suspeitos estavam dentro de um veículo, um VW Gol, quando foram vistos por policiais, que abordaram a dupla, na altura da quadra 7/9. Na revista feita nos suspeitos foram encontrados um revólver calibre 38, com seis munições intactas e outras cinco sobressalentes, que estava dentro do bolso de um dos homens.
Ao realizar a vistoria dentro do carro encontraram ainda 400 DVDs piratas. Presos em flagrante, os suspeitos estiveram na 14° Delegacia de Polícia (Gama), onde ficaram detidos até serem levados para a carceragem. Eles irão responder pelos crimes de porte ilegal de arma e munição, além de violação de direito autoral. As mídias devem ser destruídas.
*Fonte: Correioweb [Cidades]

Adolescentes são apreendidos em várias partes do DF
Nesta quinta-feira (06), sete adolescentes foram apreendidos e encaminhados para a Unidade de Internação da Asa Norte UIPP, antigo Caje.
Esse é o resultado do trabalho de policiais da Delegacia da Criança e do Adolescente I (DCA I), em parceria com os agentes da 4ª, 8ª, 11ª e 29ª delegacias.
Em razão das festas de final de ano, a DCA I tem cumprido, periodicamente, mandados de busca e apreensão de menores em toda a sua área de atuação. O objetivo é dar mais segurança e tranquilidade à comunidade, apreendendo adolescentes que cometeram atos infracionais graves e têm mandado expedido pela Vara da Infância.
A ação ocorreu nas áreas do Guará, Estrutural, Núcleo Bandeirante e Riacho Fundo.
*Fonte: Jornal de Brasília [Cidades]

Fiscalização apreende celulares falsos na área central de Brasília
Quatro celulares e outros 25 acessórios, que eram vendidos por ambulantes irregulares na área central de Brasília, foram apreendidas na tarde de quarta-feira (5/12), em operação realizada em parceria entre a Secretaria da Ordem Púbica e Social (Seops), a Agência de Fiscalização (Agefis) e a Polícia Militar.
Os aparelhos, todos de marcas famosas e originais, eram vendidos, em média, por R$ 400 e sem nota fiscal. No mercado regular, cada um custa até R$ 2 mil. Um dos ambulantes admitiu ter adquirido um deles por apenas R$ 150.
Os ambulantes responderão pelo crime de recepção – quando o vendedor tem ciência de que se trata de produto de roubo – e se condenados, podem pegar até oito anos de prisão. O caso foi registrado na 5ª DP e será apurado.
Já foram recolhidos, de janeiro a outubro deste ano, 45 aparelhos de celular durante ações de fiscalização. Desses, 32 foram apreendidos na àrea central de Brasília. O cidadão deve acionar a polícia quando qualquer ambulante oferecer mercadorias sem nota fiscal ou informação de procedência. Os telefones para denúncia são o 156 (Ouvidoria Geral do GDF), 190 (Polícia Militar) e 197 (Polícia Civil).
*Fonte: Correioweb [Cidades-DF]