Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/12/20 às 11h40 - Atualizado em 2/12/20 às 11h57

🚨🚔Segurança Pública divulga balanço de operação com foco na redução de homicídios

COMPARTILHAR
Adriana Machado, da Ascom – SSP/DF

Adriana Machado, da Ascom – SSP/DF

 

Mais de 6 mil abordagens pessoais, quase 2 mil veículos fiscalizados, 750 estabelecimentos comerciais vistoriados, 209 estabelecimentos orientados sobre a importância das saídas de emergência para evitar acidentes, mais de 2,6 mil agentes de segurança em ação e 920 viaturas utilizadas. Esses são alguns dos números alcançados durante a Operação Quinto Mandamento, que, coordenada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), completa quatro meses nesta semana.

 

“A Quinto Mandamento foi pensada para que os números de crimes contra a vida permanecessem em redução, como no primeiro semestre deste ano e de 2019, quando alcançamos o menor número de homicídios em 35 anos”, conta o secretário de Segurança Pública, Anderson Torres. “É perceptível que a presença policial acaba resultando na melhor sensação de segurança da população e reflete no aumento de apreensão de drogas e armas, no cumprimento de mandados de prisão em aberto e, desta forma, na redução de crimes contra o patrimônio, como roubos e furtos.”

 

 

“É perceptível que a presença policial acaba resultando na melhor sensação de segurança da população”Anderson Torres, secretário de Segurança Pública

 

A operação reúne representantes das forças de segurança – polícias Civil (PCDF) e Militar (PMDF), Departamento de Trânsito (Detran) e Corpo de Bombeiros Militar (CBMDF) –, da Secretaria DF Legal e do Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

 

Abordagens policiais

O efetivo empregado na operação durante esse período chegou a 2.649 servidores e uso de 746 viaturas. De forma conjunta, a PMDF e a PCDF abordaram 6.608 pessoas e fizeram a checagem de 745 veículos. “Nessas abordagens, tanto pessoais quanto veiculares, é feita a verificação de documentos, como carteira de habilitação e registro do veículo, [bem como] atestar se há ou não mandado de prisão em aberto”, explica o titular da SSP. “Esse trabalho é essencial para retirar das ruas indivíduos com algum envolvimento com o crime”, completa.

 

 

2.649servidores participaram da operação durante esses primeiros quatro meses

 

As regiões administrativas em que a operação é realizada são definidas com base em análises feitas pelas subsecretarias de Inteligência (SI) e de Gestão da Informação (SGI), sendo a coordenação fica da Subsecretaria de Operações Integradas (Sopi) – todas essas unidades vinculadas à SSP. “A integração, tanto interna quanto com outras agências, tem sido cada vez maior, o que é evidente em reuniões de direcionamento de ações e avaliação dos resultados”, destaca o secretário executivo de Segurança Pública, Júlio Danilo.

 

 

Bombeiros

Nesses quatro meses, bombeiros expediram 223 orientações a estabelecimentos quanto à importância de manter em dia a documentação e cumprir exigências, como sinalização das saídas de emergência.

 

Detran

Já o Detran, com apoio do DER e da PMDF, consultou 1.215 veículos durante fiscalização em pontos de bloqueios montados na entrada e saída das cidades.

 

DF Legal

Desde o início da Operação Quinto Mandamento, a Secretaria DF Legal abordou 750 estabelecimentos comerciais – trabalho complementar à ação policial.

 

Edição: João Roberto
Foto: Felipe Oliveira