Governo do Distrito Federal
8/06/22 às 14h37 - Atualizado em 8/06/22 às 14h39

🚨Cidade da Segurança Pública chega ao Recanto das Emas

Adriana Machado, da Ascom – SSP/DF

 

Uma das principais ações para redução da criminalidade no Distrito Federal, a Cidade da Segurança Pública (CSP) chega à nona edição. Desta vez, Recanto das Emas é a região que receberá o projeto da Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF) até o próximo fim de semana.

 

Desta quarta (8) até sábado (11), o público do Recanto das Emas terá acesso a diversos serviços, como emissão de RG, ouvidoria e palestras | Fotos: Divulgação/SSP-DF

O lançamento ocorreu nesta quarta-feira (8), às 11h, no estacionamento comercial da Quadra 103, localizado na avenida principal da cidade. A cerimônia foi transmitida ao vivo pelo canal da SSP-DF no Instagram. A CSP integra o DF Mais Seguro, programa estruturante da segurança pública com ações previstas até o final de 2022.

 

“É uma ação em que concentramos esforços da Segurança Pública e outros órgãos do GDF para um único local, buscando, além do reforço do policiamento, levar serviços de qualidade e com fácil acesso à população” Júlio Danilo, secretário de Segurança Pública do DF

Até sábado (11), serão oferecidos diversos serviços, como emissão de carteira de identidade, curso de primeiros socorros e palestras, sempre das 9h às 14h. As ações policiais serão realizadas até a madrugada de segunda-feira (13) por toda a região administrativa e proximidades.

 

“É uma ação em que concentramos esforços da Segurança Pública e outros órgãos do Governo do Distrito Federal para um único local, buscando, além do reforço do policiamento, levar serviços de qualidade e com fácil acesso à população”, ressalta o secretário de Segurança Pública do DF, Júlio Danilo.

 

De acordo com o secretário, “o projeto é essencial para que a redução criminal ocorra de forma cada vez mais equilibrada entre as regiões administrativas e, consequentemente, com resultados positivos para todo o DF”.

 

Ações de trânsito serão intensificadas, com trabalho conjunto do Detran, DER, PMDF e PRF

Atendimento à população

Na última edição da CSP, em Sobradinho, o total de atendimentos à população chegou a 3.245. Júlio Danilo acredita que no Recanto das Emas haverá uma adesão massiva da população, “pois serão ofertados serviços essenciais, escolhidos com base em levantamentos realizados por nossas equipes para saber a necessidade de cada região”.

 

O administrador regional do Recanto das Emas, Wanderley Eres de Deus, comemora a realização da CSP na região. “Nossa cidade completará 29 anos em julho. O objetivo da administração regional é melhorar cada vez mais a qualidade de vida dos moradores da cidade e a segurança pública é um dos pilares para isso.”

 

A CSP contará com a participação ativa e integrada das forças de segurança – polícias Militar, Civil, Corpo de Bombeiros e Departamento de Trânsito (Detran-DF) – e instituições parceiras, como a Secretaria de Segurança do Estado de Goiás (SSP-GO), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF).

3.245atendimentos foram realizados na última edição da CSP, em Sobradinho

Também participarão desta edição as secretarias de Administração Penitenciária, da Mulher, de Saúde, de Desenvolvimento Social, do Trabalho, de Justiça e DF Legal; Defesa Civil, Serviço de Limpeza Urbana (SLU), Caesb, Administração Regional do Recanto das Emas e Neoenergia.

 

Quinto Mandamento

As ações para reforço do policiamento tiveram início na segunda-feira (6), mas serão incrementadas a partir do lançamento da CSP nesta quarta-feira e, ainda, por meio da Operação Quinto Mandamento, que será lançada na sexta-feira (10).

 

Sob coordenação da SSP-DF, a operação reúne integrantes das polícias Militar e Civil, Detran, Corpo de Bombeiros Militar (CBMDF), DF Legal e Departamento de Estradas de Rodagem (DER). Esta edição contará, ainda, com a participação da PRF, por conta da proximidade com a BR-060, e com as polícias Militar e Civil de Goiás, devido à região ser limítrofe com o estado de Goiás.

 

“O foco da Quinto Mandamento é coibir os crimes contra a vida, como homicídios e latrocínios, mas a presença policial na cidade incide diretamente na redução de crimes contra o patrimônio, perceptível em edições anteriores. Com as abordagens policiais é possível, ainda, retirar das ruas pessoas com pendências judiciais e apreender armas e drogas”, explica o secretário-executivo de Segurança Pública, Milton Neves.

 

Durante a Quinto Mandamento, o CBMDF fará orientações e ações preventivas junto à comunidade, principalmente nas áreas de prevenção de incêndios e primeiros socorros. O policiamento será reforçado pelo 27º Batalhão da PMDF, responsável pela área, e por tropas especializadas, como os batalhões de Policiamento com Cães (BPCães) e de Operações Especiais (Bope), por exemplo.

 

As ações de trânsito também serão intensificadas, com ação conjunta do Detran, DER e batalhões de trânsito da PMDF e PRF.

 

Edição: João roberto e Agência Brasília