Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
29/10/18 às 12h53 - Atualizado em 29/10/18 às 12h53

Alunos do Picasso Não Pichava apresentam peça de teatro

COMPARTILHAR

Vinte alunos da oficina de teatro do Programa Picasso Não Pichava, ministrada no CEU das Artes, no Recanto das Emas, vão estrear duas peças neste sábado (30). As apresentações são resultados da primeira edição da oficina promovida pela Subsecretaria de Segurança Cidadã (Susec), da Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF), no local desde março.

 

Estreantes no palco, os atores mirins encenarão dois espetáculos: “A coisa impetuosa” e “Outras Histórias para Julieta”. As apresentações ocorrerão no CEU das Artes, da cidade, só para os familiares dos atores.

 

O grupo formado por crianças de até dez anos apresentará, às dez horas, o espetáculo “A coisa impetuosa”, que tem como foco o direito de brincar. Às 19 horas, entrarão em cena os adolescentes, de até 17 anos, com a peça “Outras Histórias para Julietas”. A história aborda conflitos e violências enfrentadas durante essa fase da vida. A escolha dos temas se deu após o primeiro dia da oficina, onde dois instrutores, uma policial militar e um policial civil, conheceram as vidas e histórias dos seus alunos.

 

Na terça-feira (03), a partir das 15 horas, a peça encenada pelos adolescentes terá como público os alunos do Colégio Mirian Ervilha, e na quinta-feira (05), às 10 horas, os estudantes da Escola Buritis assistiram a peça encenada pelas crianças. A escolha dos colégios se deu pela localização, por serem bem próximas do Céu das Artes, no Recanto.

 

Segundo a diretora de Segurança Comunitária da Susec, Marina Rodrigues, a intenção do projeto é promover aproximação entre as forças policiais e a comunidade.

 

“Além da aproximação entre as polícias e comunidade, a nossa intenção também é dar voz e espaço de fala para essas crianças e adolescentes, para que eles possam falar sobre as suas angustias e as suas vulnerabilidades”, explicou Marina.